Este site não está atualizado, consulte o site do agrupamento atualizado em www.aeffl.pt
Siga-nos RSS Facebook Twitter
19 de setembro de 2020
  • Decrease font size
  • Default font size
  • Increase font size

 
O livro é uma extensão da memória e da imaginação.
Jorge Luis Borges

 
Um romance é como um arco de violino, a caixa de ressonância é a alma do leitor.
Stendhal

 
O livro é uma extensão da memória e da imaginação.
Jorge Luis Borges

 
A honestidade foi e será sempre a arma decididamente mais forte para todas as lutas da humanidade que vive e progride.
Enrico Fermi

 
Na Natureza nada se perde, nada se cria, tudo se transforma.
Antoine Lavoisier

Início Serviços Projecto de Educação para a Saúde (PES) Violência no namoro…infelizmente, cada vez mais uma realidade
Violência no namoro…infelizmente, cada vez mais uma realidade PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Violência no namoro…infelizmente, cada vez mais uma realidadeParece um tema muito deprimente, especialmente a um mês da comemoração Dia dos Namorados?
Talvez: mas, infelizmente, esta é, cada vez mais, a realidade dos jovens portugueses…
Para pôr o tema na ordem do dia e falar “do que é e não é aceitável”, a Associação Portuguesa de Apoio à Vítima, APAV, está a desenvolver o Projecto SUL, no âmbito do qual decorrem acções de sensibilização sobre “Violência no Namoro”, de forma a promover relacionamentos saudáveis entre os jovens. Esta é também uma meta do PES da ESFFL…
Na nossa escola, estas acções de sensibilização promovidas pela APAV realizar-se-ão no anfiteatro 8 (Bloco Norte), nos dias 27, 28 e 29 de Janeiro de 2010, cujos horários e fichas de inscrição das turmas de 11.º e 12.º anos estão disponíveis na sala dos professores

violenciaˍˍnamoro.jpgAtravés da definição de “violência no namoro”; da distinção entre tipos e graus de violência; da enumeração de meios e formas para denunciar a violência no namoro e do destaque dos direitos das vítimas de violência, pretende-se concretizar os seguintes objectivos: apresentar as causas que desencadeiam a violência no namoro; dar a conhecer as consequências físicas, psicológicas e sociais da? violência no namoro e informar sobre os direitos das vítimas.

Investigações efectuadas na Universidade do Minho, revelaram que “um em cada quatro jovens, com idades entre os 13 e os 29 anos, reconheceu ter sido vítima de comportamentos abusivos”.

Estes resultados reflectem uma situação muito semelhante aos Estados Unidos e o que se passa por toda a Europa.

“Se tem ciúmes, é porque gosta de mim”

Segundo os estudos efectuados, existe tanta violência no namoro como no casamento: 25% dos jovens já foram vítimas, sendo que os mais novos começam a agredir-se cada vez mais cedo.

Mas o pior, na opinião das investigadoras, é que a maioria encara com normalidade que dois namorados se agridam. “O que acontece é que os adolescentes, embora reprovem a violência em abstracto, depois encontram justificações e desculpam a violência em situações específicas, como os ciúmes ou a infidelidade”.

Não pensemos somente em violência como agressões físicas graves (murros, pontapés), uma vez que a violência mais comum é a emocional (insultos, humilhações, ameaças, tentativas de controlo) e a pequena violência física (bofetadas, empurrões) ”.
A violência no namoro é um assunto que, por incrível que pareça, só agora começa a ser estudado, não havendo ponto de comparação sobre “como era dantes”.”

“Provavelmente, os namorados sempre se agrediram, mas só agora é que começamos a achar que isso não é aceitável”.

Fonte: Activa (2010), Agressão não é amor. Violência no namoro, acedido a 19 de Janeiro de 2010 em http://activa.aeiou.pt/artigo.aspx?channelid=49AE564B-EC53-4A76-9C25-8785874E2F09&contentid=0E71117F-5F81-4182-AB1C-683D21AFA8B4

SITES MUITO ÚTEIS QUE PODES CONSULTAR:
http://www.amcv.org.pt
http://www.cig.gov.pt
http://www.apav.pt/portal/
 

Destaques

Gala das Francisquíadas 2013
 
Lip Dub 2013
 
 
SeguraNet
 
Agência Portuguesa (PROALV)
Agência Portuguesa (PROALV)
http://www.proalv.pt/public/PortalRender.aspx?PageID={fca3e27e-2ae1-4ddb-b44a-f32523394236}
.Comenius
Questionnaires
 
Projeto “Advocating a Critical Media Literacy”
Apresentação
TwinSpace